Desemprego, dívidas e fome. Os efeitos da pandemia na periferia vão muito além da doença. A população mais vulnerável é justamente a primeira a sofrer as consequências de uma crise econômica. Segundo Arif Husain, diretor do Programa Mundial de Alimentos, a Covid-19 é potencialmente catastrófica para milhões de pessoas que já estão por um fio.

Diante deste triste cenário, o Instituto Pe. Vilson Groh lançou o Fundo IVG de Combate à Fome (anteriormente chamado de Fundo Apoio Emergencial às Famílias Empobrecidas da Rede IVG), com o objetivo de garantir o direito básico à alimentação e subsistência em meio a uma crise sem precedentes.

Graças a mobilização das organizações, voluntários e parceiros do Instituto, só em 2020, o Fundo IVG de Combate à Fome arrecadou e investiu quase um milhão de reais, fruto de parcerias e doações. Foram mais de 180 toneladas de alimentos distribuídos em cestas básicas, orgânicos e Moeda Social, além de máscaras de proteção e kits de higiene e limpeza destinados às famílias cadastradas.

Os efeitos da pandemia são intensos e prolongados. Você pode doar através do PIX: 48 9 9117-6104, ou por transferência bancária para a conta bancária no Banco do Brasil, Conta Corrente 57543-7, Agência 5255-8, no nome de Instituto Pe. Vilson Groh, CNPJ 13.188.828/0001-67.

Fundo IVG de Combate à Fome
Rafael Vicente 1

Fundo IVG de Combate à Fome em 2020


Total de R$ 940.856,16 arrecadados que resultaram em:

  • 613 famílias beneficiadas com a Moeda Social (R$ 342.875 investidos)
  • 13.094 cestas básicas distribuídas, totalizando 181.916 quilos de alimentos
  • 7,7 toneladas de orgânicos recebidos do Movimento Orgânico Solidário
  • 1.745 famílias atendidas

Parcerias firmadas 

Rafael Vicente 13

Orgânico Solidário: direto do agricultor para a mesa de famílias da Rede IVG


O Orgânico Solidário tem o objetivo de levar alimentos orgânicos para famílias em situação de vulnerabilidade social, envolvendo uma rede de agricultores orgânicos que tem sua produção e renda estimuladas. 

Com doações de pessoas, é possível montar uma cesta com 14 itens variados de legumes, frutas e verduras a R$ 50 a unidade. Esse valor é suficiente para cobrir os custos de produto, montagem e entrega das cestas.

Em oito meses de atuação na Grande Florianópolis, no ano de 2020, mais de 16 toneladas de orgânicos foram distribuídos, envolvendo mais de 25 produtores rurais. Isso significa 2.340 cestas entregues a 200 famílias mensalmente.

Saiba mais sobre o Orgânico Solidário.

Fundo IVG de Combate à Fome - Pipa Informativa

Pipa Informativa: uma iniciativa em parceria com o Projeto de Extensão Jornalismo e Ação Comunitária (JAC)


Diante da urgência em levar informação de qualidade sobre a pandemia às periferias da Grande Florianópolis, o IVG firmou uma parceria com o Projeto de Extensão Jornalismo e Ação Comunitária (JAC), do Curso de Jornalismo da UFSC, logo no início da pandemia no Brasil.

Dessa parceria, foi criada a Pipa Informativa, uma série jornalística de panfletos e posts para redes sociais, trazendo temas relevantes nas comunidades do Maciço do Morro da Cruz. A impressão dos materiais tem sido feita com apoio da Associação de Professores da UFSC (APUFSC), em tiragens de 2 mil exemplares mensais.

Em 2020 foram sete edições e, para 2021, foi garantido apoio para novas edições mensais até dezembro. A distribuição é realizada pela Rede IVG e lideranças comunitárias, junto com a entrega de cestas básicas.

Moeda Social - Fundo de Combate à Fome - Banco Comunitário na Frei Damião

Moeda Social: uma evolução das doações de cestas básicas

 

O Banco Comunitário nasceu dentro da Linha de Apoio Emergencial Coronavírus, em parceria entre o ICOM e o Instituto Pe. Vilson Groh, com o objetivo de garantir acesso a alimentos, produtos de higiene e de limpeza à população empobrecida. 

Cada doação se transforma em “moeda” aceita nos mercadinhos das comunidades empobrecidas, concedendo autonomia na compra de suprimentos às famílias que moram em áreas vulneráveis e fortalecendo os pequenos comércios locais. 

O Instituto Pe. Vilson Groh é parceiro do Banco Comunitário ICOM e parte do resultado do Fundo de Combate à Fome vem desta iniciativa. Atualmente, existem bancos comunitários na Comunidade da Praia (correalizado pela Associação João Paulo II), na comunidade Frei Damião (correalizado pela Assoc. Pró Brejaru), no Morro do Mocotó (correalizado pela ACAM), no bairro Monte Cristo (correalizado pelo CEDEP), na Serrinha (correalizado pela Casa São José).

15 mil cestas básicas em 19 cidades de Santa Catarina - IVG MPT/SC UNOPS

IVG, MPT/SC e UNOPS no combate à fome em 19 cidades do Estado

 

Em novembro, o IVG, parceria com o Ministério Público do Trabalho do Estado (MPT/SC) e o Escritório das Nações Unidas (ONU) de Serviços para Projetos (UNOPS), iniciaram a distribuição de 15 mil cestas básicas a famílias em situação de vulnerabilidade social em 19 municípios de Santa Catarina. 

As entregas têm sido realizadas com apoio de organizações da sociedade civil locais, paróquias, Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) e secretarias municipais. Foram entregues 5 mil cestas básicas em novembro e dezembro, totalizando 10 mil cestas. A terceira e última leva acontece neste mês de janeiro, sem data prevista.

As cestas, adquiridas pelo UNOPS, com recursos provenientes da atuação do Ministério Público do Trabalho em Santa Catarina, estão sendo entregues nas cidades de Xanxerê, Capivari de Baixo, Monte Castelo, Pinhalzinho, Bocaina do Sul, Itá, Cunha Porã, Entre Rios, Braço do Norte, Barra Velha, Balneário Barra do Sul, Lauro Muller, Concórdia, Lages, Maravilha, Morro da Fumaça, Anitápolis, Joaçaba e Palhoça.

Como contribuir com o Fundo IVG de Combate à Fome


Você pode contribuir doando alimentos ou dinheiro especificamente para este programa do IVG.

  • Para doação de alimentos e outros donativos, entre em contato conosco pelo e-mail ivg@redeivg.org.br ou pelos telefones (48) 3039-1828 e (48) 9 9117-6104
  • Para doação de dinheiro, nosso PIX é (48) 9 9117-6104.
  • Se quiser transferir, na conta bancária é:
    • Banco do Brasil (01)
    • CC: 57543-7
    • Ag: 5255-8
    • Nome: Instituto Pe. Vilson Groh
    • CNPJ: 13.188.828/0001-67
15 mil cestas básicas em 19 cidades de Santa Catarina - IVG MPT/SC UNOPS